sábado, 5 de agosto de 2017

Odds baixas


Durante os dois jogos da pré-eliminatória da Liga Europa com o AIK de Estocolmo, o S.C. Braga é uma equipa completamente falha de ideias, desorganizada, sem intensidade nem chama. Inferior aos suecos nos dois jogos, não cria uma única oportunidade, mesmo em desvantagem, na Pedreira. Do primeiro jogo, sobrara um empate muito lisonjeiro, depois do adversário desperdiçar inúmeros golos; na segunda mão, um frango monumental permitiu o prolongamento e, neste, o golo surgiu mesmo sobre o gong (embora no único período dos dois jogos, valha a verdade, em que o Braga foi melhor). Esgotar a sorte logo ao primeiro assalto, não costuma ser bom prenúncio. Salvou-se Xadas e o seu pé esquerdo que notáramos no último mundial de sub20, em passes e aberturas de bom recorte. Nas apostas para os primeiros treinadores a serem postos em causa, na época desportiva 2017/2018, a julgar pela amostra, Abel Ferreira que se cuide.

Sem comentários:

Enviar um comentário